Pesquisar neste blogue:

Contador de Visitas:

Web stats powered by www.clubstat.com

Outros pontos de visita:

Ocorreu um erro neste dispositivo

Temas e Assuntos:

Arquivo do blogue

Colaboradores do blog:

-» Futebol

-» T Nogueira

-» Nuno Texas

-» António Fonseca

-» João Miguel Pereira

-» Marcelo Santos

-» Guilherme Pannain

-» Geração Benfica

-» Tiago Ferreira

-» Livre Directo

-» Bruno Miguel Espalha

Belas recordações

Publicada por Futebol terça-feira, 22 de setembro de 2009

Ao dar uma vista olhos no site brasileiro Trivela, dei de caras com algo que nos traz a todos nós portugueses, belas recordações...

Mundiais Sub-20: 1989, 1991 e 1993


1989 – ARÁBIA SAUDITA

Participantes: 16
Gols: 81
Campeão: Portugal
Vice: Nigéria
Terceiro: Brasil
Quarto: Estados Unidos
Artilheiro: Oleg Salenko (URSS), 5 gols
Destaques: Mutiu Adepoju (NIG), Bismarck (BRA), Santiago Canizares (ESP) e Paulo Sousa (POR)

O sétimo mundial foi realizado na Arábia Saudita. Como sempre, os favoritos eram as seleções da Europa e da América do Sul. Representando o Velho Continente, havia Tchecoslováquia, Portugal, União Soviética, Alemanha Oriental, Noruega e Espanha; do outro lado, estavam Brasil, Argentina e Colômbia. Na Europa, o grande destaque era a União Soviética, sempre presente nos mundiais e que já havia conquistado o torneio. Qualquer resultado fora disso seria pura zebra. Portugal só havia participado uma vez e vinha de goleada nas eliminatórias europeias. Perdera por 6 a 0 para a Itália, que sequer se classificou.

Carlos Queiroz, treinador da seleção, tinha muitos pupilos na equipe e fez história, levando o país ao título. Venceu a Nigéria por 2 a 0 na final. Desclassificou o Brasil, grande favorito à conquista, num dia em que nada deu certo para o ataque canarinho. A surpresa da competição ficou por conta dos Estados Unidos. O país foi convidado de última hora, após a suspensão do México, e chegou na quarta colocação. Outra surpresa foi a Nigéria, vice-campeã.

1991 – PORTUGAL

Participantes: 16
Gols: 82
Campeão: Portugal
Vice: Brasil
Terceiro: URSS
Quarto: Austrália
Artilheiro: Sergei Cherbakov (URSS), 5 gols
Destaques: Dwight Yorke (TRI), Paolo Montero (URU), Magnus Hedman (SUE) e Élber (BRA)

Última campeã do torneio, Portugal foi sede da 8º edição do campeonato. A disputa do campeonato passado, que havia sido realizado entre os meses de fevereiro e março, foi alterada para o mês de junho. Se os lusos, com Carlos Queiroz à frente, tinham uma equipe forte no título passado, outros nomes reforçaram a seleção, como João Pinto, Rui Costa e Luis Figo. E o que já era forte, se tornou imbatível. Após seis jogos, cinco vitórias e um empate, justamente na final contra o Brasil, veio o bicampeonato, com um 4 a 2, na disputa por pênaltis contra o time comandado por Ernesto Paulo, que tinha Roberto Carlos, Roger e Élber.

O Campeonato Mundial Sub-20 de 91 não teve grandes surpresas. Houve grandes decepções, principalmente com os países da América do Sul. Com exceção feita ao Brasil, que terminou na segunda colocação, Argentina e Uruguai fizeram péssimas campanhas e foram eliminadas ainda na primeira fase. No grupo A, a Argentina perdeu para a Coreia do Sul (1x0). Levou uma surra de Portugal (3x0) e para salvar, terminou empatando com a Irlanda. O Uruguai, no grupo D, perdeu para a Siría e a Espanha (com a última, a derrota foi por 6 a 0) e empatou sem gols com a Inglaterra.

1993 – AUSTRÁLIA

Participantes: 16
Gols: 82
Campeão: Brasil
Vice: Gana
Terceiro: Inglaterra
Quarto: Austrália
Artilheiro: Henry Zambrano (COL), Vicente Nieto (MEX) e Chris Faklaris (EUA), 3 gols
Destaques: Dida (BRA), Rigobert Song (CAM), Dietmar Hamann (ALE) e Nick Barmby (ING)

Pela segunda vez e doze anos depois, o Mundial foi realizado novamente na Austrália. E pela terceira vez, quem faturou o caneco foi o Brasil. O troféu regressou novamente à América, fato que não ocorria desde 85, quando o próprio Brasil havia faturado o título. Um empate diante da Arábia Saudita, na estreia, e duas vitórias convincentes sobre México e Noruega, colocaram o país como virtual campeão.

Na equipe, quem se destacou foi o desconhecido Adriano, atacante que atuou, no Brasil, por Juventude, Botafogo, América-SP e São Paulo, além de uma passagem pelo suíço Neuchatel Xamax. Com impecável técnica e visão de jogo apurada, o promissor foi considerado o melhor jogador do torneio. Gana foi a grande surpresa. Em sua estreia, o país disputou a final contra o Brasil e teve o melhor ataque da competição, junto de seu adversário na decisão, com 11 gols.

Curtas:

- Portugal marcou apenas seis gols na edição de 1989. Foi o campeão com menos gols marcados na história dos mundiais.

- Mali foi a 50º seleção a estrear na história dos mundiais. Na primeira participação, não passou da primeira fase. Empatou com Estados Unidos e perdeu para Brasil e Alemanha Oriental.

- Nas eliminatórias asiáticas para o Mundial de 91, a Coreia do Norte venceu Macau por 18 a 0. Nenhum das duas seleções se classificaram para o Mundial. Coreia do Sul e Siría foram os classificados.

- Portugal foi a primeira seleção europeia a conquistar o bicampeonato. Mais de 120 mil pessoas acompanharam a final disputada entre Portugal e Brasil.

- O Brasil foi a primeira seleção a conquistar o tricampeonato.
E em 93, na Austrália, pela segunda vez, o mundial teve quatro paises de continente diferentes nas semifinais. A primeira vez em que tal fato ocorreu havia sido em 89.

- Jogadores campeões com Portugal em 89: BRASSARD, ABEL, PAULO ALVES, PAULO SOUSA, MORGADO, JORGE COUTO, TOZÉ, HÉLIO, XAVIER, PAULO MADEIRA, FILIPE, BIZARRO, RESENDE, JOÃO PINTO, VALIDO, FERNANDO COUTO, FOLHA e AMARAL. TÉCNICO: CARLOS QUEIROZ.

- 91: BRASSARD, GIL, FIGO, PEIXE, RUI COSTA, JORGE COSTA, ABEL XAVIER, PAULO TORRES, LUIS MIGUEL, NÉLSON, RUI BENTO, TO FERREIRA, CAPUCHO, JOÃO PINTO, TULIPA, CÃO, JOÃO PINTO II e TONI. Técnico: CARLOS QUEIROZ

- Jogadores campeões com o Brasil em 93: DIDA, BRUNO, GÉLSON, JUAREZ, MARCELINHO, WAGNER, CATÊ, PEREIRA, GIAN, ADRIANO, YAN, FÁBIO, ANDRÉ LUIS, ARGEL, HERMES, CAÍCO, ROBERTO e JARDEL. Técnico: JÚLIO CÉSAR LEAL

Texto: Trivela.com

0 golos

Enviar um comentário

No Futebol "O Desporto Rei" todos os comentários são aceites, desde que os mesmos não contenham qualquer tipo de palavreado não adequado, que impere o respeito e que não sejam com o intuito de fazer apenas e só publicidade. Para este último aspecto, assim como para eventuais trocas de links, façam o favor de nos contactar para o nosso endereço de email (Gmail).

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:
Adiciona-nos e ajuda-nos a divulgar um projecto que pretendemos retomar em breve.

Followers

Parcerias:

Parcerias:
A Mística Azul e Branca traz-nos o "Poder Portista".

A Norte de Alvalade traz-nos "De Leão ao peito".

O Blog Geração Benfica traz-nos "Benfica by GB".