Pesquisar neste blogue:

Contador de Visitas:

Web stats powered by www.clubstat.com

Outros pontos de visita:

Ocorreu um erro neste dispositivo

Temas e Assuntos:

Arquivo do blogue

Colaboradores do blog:

-» Futebol

-» T Nogueira

-» Nuno Texas

-» António Fonseca

-» João Miguel Pereira

-» Marcelo Santos

-» Guilherme Pannain

-» Geração Benfica

-» Tiago Ferreira

-» Livre Directo

-» Bruno Miguel Espalha

Ronaldo, a selecção e os portugueses

Publicada por Nunotexas sexta-feira, 2 de julho de 2010

No rescaldo da eliminação do Mundial, as atenções estão viradas para Ronaldo e Queiroz. De Queiroz irei futuramente falar, pois é a já longa polémica sobre a prestação de Ronaldo na selecção que eu quero comentar.

"Ronaldo é pouco valorizado em Portugal", foi esta a frase de Jesus a propósito de Ronaldo. É uma frase com o qual eu concordo a 100% pois sou um português "viciado" em futebol que sente um grande orgulho por ter um jogador como ele a dar nome ao país pelo mundo inteiro, e a representar a selecção portuguesa. Mas o problema é que para a esmagadora maioria dos portugueses existe uma frase feita "O Ronaldo só joga bem é lá fora", que me faz concluir que talvez os portugueses preferissem que o Ronaldo fosse Espanhol, ou Inglês ou Japonês.

Outro defeito que adoram apontar a Ronaldo é a arrogância, a verdade é que ele bastante é realista e é mesmo um EXCELENTE JOGADOR (melhor do que Luis Figo); mas para o povo português todos temos de ser uns "coitadinhos", muito humildes e politicamente correctos, e quem não vai ao encontro desse perfil já é um grande arrogante e convencido. Mourinho e Ronaldo são muito arrogantes e convencidos, e a verdade é que são dois exemplos de qualidade made in Portugal que nada devem a ninguém e que dão uma enorme visibilidade ao país por esse mundo fora.

Uma característica de Ronaldo que também incomoda muito os portugueses são as suas saídas á noite e as várias namoradas que colecciona, a verdade é que todas essas histórias da sua vida pessoal nunca influenciaram qualidade do seu futebol e por isso todos os comentários e as criticas que lhe fazem por ele adorar festas e as saídas á noite são inválidos, já que no seu caso vida pessoal e vida profissional são dois conceitos bastantes distintos.

Agora falando concretamente das prestações de Ronaldo na selecção, gostaria de começar por dizer que ele tem 76 internacionalizações e 23 golos, mais cedo ou mais tarde vai ultrapassar Luis Figo em golos e pode muito bem chegar perto de Pauleta, em relação ás internacionalizações tem tudo para ser o jogador mais internacional; por isso mais uma vez não deve nada a ninguém e está bem encaminhado para bater recordes na nossa selecção. Em relação à grande diferença de golos que fez no Real e nas últimas épocas do Manchester, e aos golos que fez na selecção tenho duas coisas a dizer:

-Em ambos os clubes apesar de ser a principal estrela da equipa não lhe era (ou "é" no presente) exigido que resolvesse sozinho os jogos, até porque tinha um excelente conjunto de jogadores que para além de o apoiarem muito bem conseguiam também resolver, o que fazia com que a pressão não caísse toda em cima de Ronaldo.

Na selecção Ronaldo tem a obrigatoriedade de resolver tudo, pois o seu apoio é muito reduzido. Não há um ponta de lança que mostre ser uma mais valia, Deco tem desiludido, e Simão quando chega aos jogos decisivos contra as equipas maiores esconde-se do jogo, resta Nani mas parece que esse vi ser sempre (e injustamente) o suplente de Simão.

-A táctica também não ajuda, pois no Manchester apesar de ter começado a jogar como extremo, nas épocas áureas Ronaldo jogava com Rooney a avançado, ficando o inglês mais fixo deixando Ronaldo a jogar livremente. No Real acontece o mesmo com Higuain, sendo bastante usual vermos Ronaldo a aparecer em todas as posições da frente de ataque.

A selecção joga num 4-3-3 bem vincado, deixando Ronaldo demasiado preso numa das alas, isto torna o jogo do português muito menos versátil e muito mais previsível.Um 4-4-2 com Ronaldo e Liedson na frente penso que seria muito mais vantajoso para os dois, pois Ronaldo poderia jogar livre na frente e com o apoio do outro ponta de lança.


Muitas das suas frases foram despropositadas e muitas das suas atitudes foram desnecessárias, mas ninguém é perfeito e Ronaldo tem apenas 25 e muito para aprender, mas já fez muito pelo nosso país e penso que todos nós nos devíamos orgulhar de ter um jogador como ele na selecção.

1 Responses to Ronaldo, a selecção e os portugueses

  1. xavi Says:
  2. acho que estas inteiramente correcto. muitos preferem por as culpas no ronaldo, que joga muito bem pelo mundo fora, e que nao faz nada pela seleccao. mas nao reparam que os seus companheiros de equipa nao sao todos estrelas como no real madrid e que nem todos conseguem acompanhar a sua pedalada

     

Enviar um comentário

No Futebol "O Desporto Rei" todos os comentários são aceites, desde que os mesmos não contenham qualquer tipo de palavreado não adequado, que impere o respeito e que não sejam com o intuito de fazer apenas e só publicidade. Para este último aspecto, assim como para eventuais trocas de links, façam o favor de nos contactar para o nosso endereço de email (Gmail).

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:
Adiciona-nos e ajuda-nos a divulgar um projecto que pretendemos retomar em breve.

Followers

Parcerias:

Parcerias:
A Mística Azul e Branca traz-nos o "Poder Portista".

A Norte de Alvalade traz-nos "De Leão ao peito".

O Blog Geração Benfica traz-nos "Benfica by GB".