Pesquisar neste blogue:

Contador de Visitas:

Web stats powered by www.clubstat.com

Outros pontos de visita:

Ocorreu um erro neste dispositivo

Temas e Assuntos:

Arquivo do blogue

Colaboradores do blog:

-» Futebol

-» T Nogueira

-» Nuno Texas

-» António Fonseca

-» João Miguel Pereira

-» Marcelo Santos

-» Guilherme Pannain

-» Geração Benfica

-» Tiago Ferreira

-» Livre Directo

-» Bruno Miguel Espalha

Real vence, Iker Casillas convence

Publicada por Tiago Nogueira sexta-feira, 13 de agosto de 2010

José Mourinho VS Van Gaal, um verdadeiro duelo de Titãs

José Mourinho já viu do que é capaz Iker. Durante os 90 minutos, o golo não chegou a um Bayern de Munique que jogou melhor do que o Real Madrid, especialmente na primeira parte, uma vez que a equipa alemã encontrou pela frente um Casillas espectacular. O guardião espanhol parou um penaltie marcado por Badstuber aos sete minutos e de seguida puxou um reportório de magníficas defesas. Já depois do nulo no final dos 90 minutos, na cobrança das grandes penalidades Iker foi decisivo, dando a vitória ao Real por 4-2, em tributo à lenda do futebol Franz Beckenbauer. Com um futebol discreto com Carvalho e Khedira em estreia absoluta, Mourinho saiu ileso do Allianz Arena, tudo graças ao Santo Iker. Este primeiro teste mais a sério para José Mourinho deixou claro que os madrilenos precisam de ter a bola, a única questão é saber se foi porque Mou não quis ou porque o Bayern não deixou!

O par Xabi Alonso-Khedira não funcionou para fazer a ligação até à linha mais adiantada, isto fez com que o Real dobrasse as velas e se reunisse bem perto de Iker, deixando com isso que a equipa orientada por Van Gaal martelasse demasiadas vezes a sua área! Notou-se claramente a falta de um nº10, de um criador de espaços, de um fantasista, de um jogador capaz de decidir no momento certo e da forma mais correcta, o nome Kaká diz-vos alguma coisa?! A figura de Casillas foi ampliada desde o início, parou tudo e não foi pouco. Ricardo Carvalho e Khedira sentiram-se em casa no meio das dúvidas de um Real Madrid em que Pedro Léon foi o melhor e Higuaín perdeu duas oportunidades claras para marcar. A melhor coisa para os pupilos de Mourinho, após o intervalo, foi o facto do Bayern ter perdido o gás, dando um passo para trás e correndo para fora do monopólio da bola. Cristiano Ronaldo e Benzema realizaram um jogo banal, tendo em conta o enorme potencial dos dois e Di María demonstrou muito pouco no jogo de hoje. Felizmente, o troféu em honra da figura mítica germânica foi levantado pelas santas mãos de Iker Casillas!

1 Responses to Real vence, Iker Casillas convence

  1. Delantero Says:
  2. Kaká fez muita falta neste jogo,nao havia espaço para o real ter a bola,ninguem conseguia segurar o esférico,quando assim é tudo fica mais complicado

    abraço nogueira e continua

     

Enviar um comentário

No Futebol "O Desporto Rei" todos os comentários são aceites, desde que os mesmos não contenham qualquer tipo de palavreado não adequado, que impere o respeito e que não sejam com o intuito de fazer apenas e só publicidade. Para este último aspecto, assim como para eventuais trocas de links, façam o favor de nos contactar para o nosso endereço de email (Gmail).

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:
Adiciona-nos e ajuda-nos a divulgar um projecto que pretendemos retomar em breve.

Followers

Parcerias:

Parcerias:
A Mística Azul e Branca traz-nos o "Poder Portista".

A Norte de Alvalade traz-nos "De Leão ao peito".

O Blog Geração Benfica traz-nos "Benfica by GB".