Pesquisar neste blogue:

Contador de Visitas:

Web stats powered by www.clubstat.com

Outros pontos de visita:

Ocorreu um erro neste dispositivo

Temas e Assuntos:

Arquivo do blogue

Colaboradores do blog:

-» Futebol

-» T Nogueira

-» Nuno Texas

-» António Fonseca

-» João Miguel Pereira

-» Marcelo Santos

-» Guilherme Pannain

-» Geração Benfica

-» Tiago Ferreira

-» Livre Directo

-» Bruno Miguel Espalha

Liga Zon Sagres: Análise à 4ª jornada

Publicada por Futebol segunda-feira, 13 de setembro de 2010

A 4ª jornada confirmou o FC Porto como líder isolado da Liga Zon Sagres, após ter passado com distinção o teste frente ao Sp. Braga, num jogo de alta qualidade. A jornada arrancou com nova derrota dos campeões nacionais, desta feita frente ao V. Guimarães, num jogo marcado pela má arbitragem de Olegário Benquerença. De registar ainda a primeira vitória da U. Leiria e Portimonense, assim como do primeiro ponto do Marítimo na prova. Para terminar, de realçar a escorregadela do Sporting em casa, diante do Olhanense, que ainda não perdeu esta época.

No jogo inaugural da jornada, o Benfica foi derrotado em Guimarães, num encontro onde os encarnados se queixaram e com razão da arbitragem, mas que na minha opinião não se podem "esconder" atrás desses mesmos erros. O Benfica deste início de época está longe de ser a equipa da época passada, não só a nível ofensivo, mas principalmente a nível defensivo onde não estão com a mesma competência e por isso os erros estão a custar caro à equipa de Jorge Jesus. "Esquecendo" isso, de facto os erros de Olegário Benquerença no jogo da passada 6ª feira terão tido influência directa no resultado, pelo que os encarnados até têm razões para se queixarem, mas daí ao ponto de culparem apenas e só a arbitragem...

Em Alvalade, o Sporting foi incapaz de levar de vencida a equipa do Olhanense, que pouco fez para levar mais do que um ponto, mas foi competente ao ponto de não o perder. A equipa algarvia apresentou-se em campo com a lição bem estudada, perante um Sporting que dominou mas foi pouco dinâmico. Ainda assim lembro-me de meia dúzia de oportunidades criadas, mas quase todas concluídas de forma desastrosa. Faltam efectivamente armas a Paulo Sérgio, que não sendo o treinador mais competente do Mundo, poderia certamente trazer uma lufada de ar fresco aos adeptos leoninos.

O Estádio do Dragão vestiu-se de gala para receber as duas melhores equipas portuguesas neste início de época, o FC Porto e o Sp. Braga, que não desfraldaram as expectativas e presentiaram os cerca de 47 mil espectadores (mais os milhões que assistiram pela TV) presentes, com o melhor jogo da época realizado até agora na edição 2010/11 da Liga Zon Sagres. Duas equipas competentes, que em muito dignificaram o espectáculo, perante um público entusiasta e deixo também uma palavra a Pedro Proença e aos seus auxiliares, que realizaram uma excelente exibição. Tudo somado resultou num jogo de "mão cheia. Domingos Paciência queixou-se dos erros cometidos pela sua equipa, mas nestes jogos é mesmo assim, o mais pequeno deslize pode ser a "morte do artista".


O Portimonense alcançou o primeiro triunfo na Liga, ao vencer o Rio Ave por 3-1, no Estádio do Algarve. Um triunfo inteiramente justo da equipa algarvia, que realizou uma boa exibição perante os seus adeptos e demonstrando argumentos para levar de vencida a equipa do Rio Ave. Quanto à equipa de Vila do Conde, está a ter um início de época complicado, contabilizando apenas um ponto em quatro jornadas.


Na Madeira, o Marítimo não foi além de um empate a uma bola na recepção ao Paços de Ferreira. Os insulares que até estiveram em desvantagem no marcador, chegaram à igualdade pelo regressado Kléber e somaram assim o primeiro ponto na prova. No final do jogo foram muitas as críticas à arbitragem por parte da formação madeirense, que viu serem anulados dois golos.


Sem dúvida, um início de época muito complicado para a equipa de Van der Gaag.


Em Leiria, a equipa de Pedro Caixinha alcançou a primeira vitória na prova, ao derrotar o Nacional da Madeira, por 2-1 e protagonizando assim mais uma surpresa nesta jornada. Os insulares falharam assim o assalto ao 2º lugar, num jogo onde acabaram traídos pelos erros cometidos.


Em Coimbra, a Académica regressou às vitórias, batendo a Naval por uns esclarecedores 3-0, num jogo onde a equipa da Figueira da Foz cedo (15m) se viu reduzida a dez jogadores e posteriormente em desvantagem no marcador. Ao invés, a Académica com "tudo a seu favor", só na segunda parte embalou para uma vitória tranquila.


No jogo que encerrou a jornada, Vitória de Setúbal e Beira-Mar empataram a zero, num encontro onde ambas as equipas desfrutaram de diversas oportunidades de golo, mas a falta de pontaria levou ao nulo. O Setúbal a jogar em casa foi mais dominador é certo, mas a equipa do Beira-Mar soube responder com perigos contra-ataques, pelo que o empate acaba por se ajustar.

0 golos

Enviar um comentário

No Futebol "O Desporto Rei" todos os comentários são aceites, desde que os mesmos não contenham qualquer tipo de palavreado não adequado, que impere o respeito e que não sejam com o intuito de fazer apenas e só publicidade. Para este último aspecto, assim como para eventuais trocas de links, façam o favor de nos contactar para o nosso endereço de email (Gmail).

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:
Adiciona-nos e ajuda-nos a divulgar um projecto que pretendemos retomar em breve.

Followers

Parcerias:

Parcerias:
A Mística Azul e Branca traz-nos o "Poder Portista".

A Norte de Alvalade traz-nos "De Leão ao peito".

O Blog Geração Benfica traz-nos "Benfica by GB".