Pesquisar neste blogue:

Contador de Visitas:

Web stats powered by www.clubstat.com

Outros pontos de visita:

Ocorreu um erro neste dispositivo

Temas e Assuntos:

Arquivo do blogue

Colaboradores do blog:

-» Futebol

-» T Nogueira

-» Nuno Texas

-» António Fonseca

-» João Miguel Pereira

-» Marcelo Santos

-» Guilherme Pannain

-» Geração Benfica

-» Tiago Ferreira

-» Livre Directo

-» Bruno Miguel Espalha

Premier League: Manchester United escorrega perante o Everton (3-3)

Publicada por Futebol sábado, 11 de setembro de 2010


Everton e Manchester United empataram este início de tarde a três golos, em Goodison Park, jogo a contar para a 4ª jornada da Premier League. Os "red devils" tiveram a vitória na mão, mas sofreram dois golos já no período de descontos e viram a vitória fugir-lhes, mérito para o Everton que nunca desistiu. Diga-se de passagem, foi um grande jogo de futebol.

O Everton foi o primeiro a marcar, aos 39m, na sequência de um contra-ataque, concluído da melhor maneira por Pienaar. Até então as duas equipas já tinham desfrutado de boas ocasiões para marcar, mas foi a equipa de Liverpool a inaugurar o marcador. Três minutos volvidos após o golo, o Manchester United iria reestabelecer o empate, por intermédio de Fletcher, após assistência do internacional português Nani. O jogo iria chegar ao intervalo empatado a uma bola, o Everton tinha sido a melhor equipa em campo, tendo criado algumas dificuldades ao Manchester, mas os "red devils" souberam responder e criar também eles boas oportunidades de golo.
A segunda parte abriu praticamente com novo golo dos "red devils" e novamente com uma assistência de Nani (excelente exibição), que com um excelente cruzamento ofereceu o golo a Vidic. O Everton reagiu à desvantagem no marcador, instalando-se no meio campo do Manchester e criando alguns calafrios junto da baliza de Van Der Sar, mas numa jogada de contra-ataque, Berbatov aumentava a contagem depois de um passe magistral de Paul Scholes, que o isola perante o guarda-redes Tim Howard, estava feito o 1-3 aos 65m. Era um enorme balde de água fria para o Everton, mas a equipa de Liverpool nunca baixou os braços e foi criando algumas situações de perigo, até que já em período de descontos (91m) iria reduzir para 2-3, por intermédio de Cahill, que saltou mais alto que os centrais contrários e cabeceou para o fundo da baliza de Van der Sar. Dois minutos volvidos e novo golo do Everton, com Cahill a ganhar de novo uma bola de cabeça e Arteta no interior da área rematou para o fundo da baliza de Van der Sar, para delírio dos adeptos da equipa da casa, que contrastava com a decepção natural dos jogadores dos "red devils.

0 golos

Enviar um comentário

No Futebol "O Desporto Rei" todos os comentários são aceites, desde que os mesmos não contenham qualquer tipo de palavreado não adequado, que impere o respeito e que não sejam com o intuito de fazer apenas e só publicidade. Para este último aspecto, assim como para eventuais trocas de links, façam o favor de nos contactar para o nosso endereço de email (Gmail).

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:

ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS:
Adiciona-nos e ajuda-nos a divulgar um projecto que pretendemos retomar em breve.

Followers

Parcerias:

Parcerias:
A Mística Azul e Branca traz-nos o "Poder Portista".

A Norte de Alvalade traz-nos "De Leão ao peito".

O Blog Geração Benfica traz-nos "Benfica by GB".